Assalto contra profissionais de delivery cresce durante pandemia no Rio Grande do Norte

O setor de delivery registrou um considerável aumento neste período de pandemia da covid-19, com as restrições de contágio da doença que impõem medidas como o “ficar em casa”. Mas, paralelo ao crescimento dos pedidos de alimentos ou outros itens para serem entregues nas residências, se intensificou também em todo o país a onda de assaltos contra os profissionais responsáveis por levar o produto ao consumidor.


No Rio Grande do Norte, os entregadores de delivery também estão cada vez mais na mira dos bandidos. Apesar da ausência de números oficiais sobre a quantidade de casos registrados no estado, esse tipo de ação criminosa tem ocorrido com frequência em todo o território potiguar. São diversos os relatos de ocorrências onde esses profissionais são os alvos dos criminosos.


Foi o que aconteceu com Marcos Renan – o nome é fictício com o fim de preservar a identidade da vítima -. O jovem de 23 anos de idade conta que começou a trabalhar como entregador em Mossoró, segunda maior cidade do RN, logo no começo da pandemia, em meados de abril do ano passado, já que estava desempregado. Ele disse que já sofreu dois assaltos durante o serviço.

“O primeiro foi ainda durante o dia. Eu estava chegando à casa do cliente de motocicleta quando outras duas pessoas de moto se aproximaram e mandaram eu parar. Um deles fugiu na minha moto e o outro levou meu celular. Só me deixaram com o mochilão que levo as entregas”, relata o jovem. “O outro assalto já foi durante a noite. Nesse, eu já estava parado na porta da casa do cliente quando um homem de moto se aproximou e mostrou uma arma. Ele fugiu com o meu celular e um dinheiro”, contou.


O entregador disse que só registrou o caso na polícia no primeiro assalto e que conseguiu recuperar a moto dias depois. Já os celulares e dinheiro roubados, não conseguiu mais reaver. Outro caso desse tipo de delito ocorrido em Mossoró já neste ano foi no bairro Sumaré. A ação foi flagrada por câmeras de segurança de uma residência. O assalto aconteceu pouco antes do meio-dia do último 17 de março. As imagens mostram dois homens armados abordando o moto-entregador e levando o veículo dele, além da mochila com os produtos do delivery e o celular da vítima. A dupla de bandidos abandona no local uma moto com queixa de roubo, após a ação rápida e truculenta.


A reportagem encaminhou no decorrer da semana pedidos de informações sobre o assunto às assessorias da Secretaria de Segurança Pública do Estado, da Polícia Civil, da Polícia Militar, e de três empresas que atuam na cidade com entrega de delivery, mas, até o fechamento desta matéria, não houve retorno.


De Fato