Babau, Prefeito de Marcelino Vieira, aluga Amarok por R$6.500,00 com dinheiro da prefeitura

Com R$ 6.500,00 quantos veículos você, leitor, conseguiria pagar financiamento?


O veículo está sendo utilizado para uso particular, o que configura crime de peculato.

Amarok alugada pela prefeitura de Marcelino Vieira

O Prefeito da cidade de Marcelino Vieira (RN), Kerles Jácome, também conhecido como “Babau”, está sendo acusado de alugar uma Volkswagen Amarok 0km por nada mais nada menos que R$ 6.500,00 mensais.


O problema é que o carro, alugado para uso pessoal, está sendo pago com o dinheiro da Prefeitura Municipal de Marcelino Vieira.

Segundo relato de moradores, "Babau" ainda estaria utilizando a Amarok para fins políticos, como visita a eleitores e festas regadas a álcool. Ou seja, utilizando um bem público para fins pessoais e eleitorais, o que configura crime.

A Amarok foi contratada inicialmente por 12 meses ao custo total de R$ 78.000,00.


Levando em conta que o preço de um veiculo do tipo, modelo 2018 (época do contrato) custa cerca de R$150.000,00, em 2 anos o prefeito poderia quitar a Amarok - que passaria a ser um bem público da cidade para uso de seus habitantes - e ainda sobraria R$ 6.000,00 para outros investimentos no município.


A prática de alugar carros de luxo para uso exclusivo do gabinete do poder executivo municipal, em nossa região, é caso isolado em Marcelino Vieira.


Nos tempos em que estamos vivemos, se exige que o município seja austero e mais racional no uso do dinheiro público.


Vale relembrar que Marcelino Vieira é uma das cidades mais pobres da região do Auto Oeste Potiguar, levando em conta o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), o que é considerado médio-baixo.


Fica a pergunta, quem ganha com esse aluguel?

PUBLICIDADE