top of page

CAFÉ: beber duas a três xícaras durante o trabalho ajuda a reduzir em 33% o riso de morte prematura

Cientistas da Universidade Soochow, na China, descobriram que trabalhadores que passam ao menos seis horas por dia sentados em seus escritórios tem 33% menos probabilidade de morrer prematuramente se beberem de duas a três xícaras de café durante o trabalho.

Os pesquisadores acreditam que os efeitos anti-inflamatórios do café podem neutralizar os danos causados por passar horas sentado todos os dias. Outros estudos já mostraram que o tempo sentado prolongado de seis a oito horas por dia está associado à morte prematura por doenças cardíacas, diabetes e câncer.

“O café é rico em substâncias bioactivas e há provas crescentes de que pode reduzir a mortalidade por doenças crónicas devido às suas propriedades poderosas”, escreveram os pesquisadores.

A falta de movimento desencadeia uma inflamação generalizada nos principais órgãos e tecidos do corpo, causando danos que podem ser fatais.

O estilo de vida viciado em televisão e o aumento da utilização de computadores no local de trabalho, mostram que uma grande proporção da população fica muito aquém dos níveis de exercício recomendados. Isso pode retardar o metabolismo e prejudicar a capacidade do corpo de controlar o açúcar no sangue, a pressão arterial e a quebra de gordura.

O estudo analisou dados de estilo de vida recolhidos em mais de 10.000 adultos nos EUA durante um período de dez anos. Os voluntários foram questionados sobre quantas horas por dia passavam sentados, bem como o consumo de café.

Os resultados, publicados na revista BMC Health, mostraram que aqueles que ficavam sentados seis horas ou mais, mas consumiam dois a três cafés por dia, tinham um terço menos probabilidade de morrer de qualquer doença durante a década em que foram acompanhados.

Comments


PUBLICIDADE

bottom of page