top of page

Carlos Eduardo está na corda bamba e pode ser substituído por Rafael Motta

O candidato a senador Carlos Eduardo Alves está na “corda bamba” para ser trocado na chapa de Fátima Bezerra, na vaga pelo Senado.

Reprodução

As articulações de bastidores são intensas para “derrubar” o seu nome na chapa substituindo por outro que não tenha o sobrenome “Alves”.


Dentro do partido, alimentado pela deputada federal Natália Bonavides, o então senador Jean-Paul Prates, o ex-secretário Fernando Mineiro e a deputada estadual Isolda Dantas, existe uma articulação para queimar Carlos na disputa para o Senado.


O plano B é Rafael Motta, até Jean-Paul é simpático pela troca, prefere ser suplente de Rafael.


A governadora Fátima Bezerra está calada, não faz um gesto de apoio em público a Carlos Eduardo. Não apresenta o colega de chapa, não tem uma foto, um compromisso juntos. É um companheiro que não pode ser apresentado.


Fátima já sabe que o ex-prefeito não acrescentou nada politicamente, não existe mais o perigo de Álvaro Dias (prefeito de Natal) ser candidato ao governo. Carlos já pode ser descartado.

Commentaires


PUBLICIDADE

bottom of page