Com morte de Paulinha, Calcinha Preta perde 2º vocalista em 4 meses


Com a morte de Paulinha Abelha nesta quarta-feira (23/2), a banda Calcinha Preta perdeu dois vocalistas em menos de quatro meses. Isso porque José Aparecido da Silva, mais conhecido como Sidney, foi assassinado, aos 57 anos, em novembro do ano passado.


Paulinha Abelha morreu aos 43 anos, após ficar internada por 12 dias em um hospital de Aracaju (SE). Ela deu entrada no hospital com problemas renais. De acordo com boletim médico, a causa da morte foi um quadro de comprometimento multissistêmico.


Paulinha Abelha foi internada com problemas renais no último dia 11, e teve o quadro de saúde agravado, sendo transferida para a UTI, onde passou a fazer diálise. O procedimento consiste em remover as substâncias tóxicas que ficam retidas no organismo quando os rins deixam de funcionar adequadamente. Na quinta-feira (17/2), veio a notícia do coma.


“O Hospital Primavera comunica, com pesar, que a cantora Paula de Menezes Nascimento Leca Viana, Paulinha Abelha, faleceu hoje às 19h26 em decorrência de um quadro de comprometimento multissistêmico. Nas últimas 24 horas, apresentou importante agravamento de lesões neurológicas, constatadas em ressonância magnética, e associada a coma profundo”, diz a nota assinada por médicos.