top of page

Guerra na Europa: capital Kiev deve cair nas próximas horas


A capital da Ucrânia, Kiev, deve cair nas próximas horas. O eexército da Rússia já está às portas da cidade e a resistência dos soldados ucranianos não é menos do que heroica — lutam desprovidos das armas e equipamentos que o Ocidente lhes prometeu. Muitos são recém-alistados.


Neste momento, os soldados russos mais próximos de tomar Kiev estão a 10 quilômetros do centro da cidade (foto), segundo informam jornalistas franceses que estão na capital ucraniana. Dezenas de milhares de civis fugiram da cidade e muitos se refugiaram nas estações de metrô, em busca de segurança contra os bombardeios que também atingem áreas residenciais. A ofensiva russa se dá pelo norte do país, onde também está a fronteira com Belarus, país cúmplice da Rússia. Kiev é uma cidade-fantasma.


De acordo com o ministro das Relações Exteriores da França, Jean-Yves Le Drian, a vida do presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, “está em jogo” e que Paris está pronta a ajudá-lo. Ontem à noite, Volodymur Zelensky lamentou que o seu país tenha sido “deixado sozinho”. Disse ele: “Quem está pronto para lutar conosco? Eu não vejo ninguém. quem está pronto para garantir a adesão da Ucrânia à Otan? Todo mundo está com medo”.


A Polônia, que tem uma grande fronteira com a Ucrânia, garantiu que todos os refugiados serão bem recebidos no país. A estimativa é que 1 milhão de cidadãos do país agredido covardemente por Vladimir Putin se exilarão em território polonês.


Euronews

Comments


PUBLICIDADE

bottom of page