top of page

Licitação de mais de 1,2 Milhão para pneus na Secretária de Saúde levanta suspeitas em Pau dos Ferros


Em uma licitação controversa, a Prefeitura de Pau dos Ferros, no Alto Oeste potiguar, destinou mais de 1,2 milhão de reais para a compra de pneus, câmaras de ar, protetores de câmaras de ar e baterias, exclusivamente para a Secretaria Municipal de Saúde. Segundo informações do Portal de Transparência do município, o contrato foi dividido entre duas empresas: José Laercio Doia ME, que receberá R$ 562.932,00, e a LE Pneus LTDA, com um montante de R$ 693.640,00.


O montante destinado à Secretaria Municipal de Saúde levanta questionamentos sobre a gestão dos recursos públicos, uma vez que, ao analisar as despesas de todo o município no exercício de 2023, referentes a todos os órgãos com frota veicular, constata-se que as despesas para o mesmo período totalizaram apenas R$ 195.176,00.


A discrepância entre os gastos com pneus em 2023, destinados a toda a frota municipal, e o valor exorbitante da licitação especificamente para a Secretaria de Saúde sugere possíveis irregularidades na gestão financeira. Questiona-se se a necessidade de pneus, câmaras de ar e baterias aumentou significativamente em um curto período ou se há algum direcionamento inadequado dos recursos.


Outra suspeita levantada é a possibilidade de uma expansão extraordinária da frota da Secretaria Municipal de Saúde em 2024, já que a licitação para pneus e acessórios aparenta estar desproporcional à demanda normal, que é para 20 veículos que constitui a frota total da pasta. Caso isso não se confirme, torna-se crucial investigar os critérios que levaram a essa decisão, visando a transparência e a responsabilidade na administração dos recursos públicos.


A reportagem buscará esclarecimentos junto à Prefeitura de Pau dos Ferros e às empresas envolvidas na licitação para garantir que a população tenha informações precisas e compreensíveis sobre o uso de recursos públicos na cidade.

Opmerkingen


PUBLICIDADE

bottom of page