PF vai investigar presidenciável com base na Lei de Segurança Nacional

A Polícia Federal vai investigar Guilherme Boulos por “ameaçar” Jair Bolsonaro no Twitter.


A PF intimou o ex-candidato a prefeito de São Paulo a depor em um inquérito aberto com base na Lei de Segurança Nacional.


Em abril de 2020, Boulos escreveu:

“Um lembrete para Bolsonaro: a dinastia de Luís XIV terminou na guilhotina…”


A postagem aconteceu depois que o presidente participou de um ato em frente ao Quartel General do Exército, em Brasília.


Na ocasião, os manifestantes pediram intervenção militar e Bolsonaro afirmou: “eu sou a Constituição”.

Reprodução

PUBLICIDADE