Polícia Civil irá apurar depredação em Curitiba




A Polícia Civil do Paraná abriu um inquérito para apurar a depredação que houve, em Curitiba, depois de uma manifestação contra o racismo na noite de segunda-feira (1º).


A polícia pretende ouvir testemunhas e analisar imagens de câmeras de segurança para identificar quem deu início aos atos de vandalismo. Durante a confusão, cinco homens e uma mulher foram presos por desacato, associação criminosa e dano ao patrimônio público. Um adolescente foi apreendido e, depois, liberado.

"Agora, as investigações prosseguem no sentido de identificar mais pessoas que tenham atuado ativamente na depredação e também possíveis lideranças, pessoas que incentivem através das redes sociais essa prática durante as manifestações. Nós temos conhecimento de outras manifestações que vão ocorrer, e os órgãos de inteligência – da Secretaria de Segurança, da Polícia Civil, da Polícia Militar – vão trabalhar ativamente para reprimir esse tipo de conduta, fazendo com que as pessoas sejam responsabilizadas e presas por esse tipo de incitação", disse o delegado Rodrigo Brown.


G1

PUBLICIDADE

© 2020. Portal Potiguar. Todos os direitos reservados.