Preço da gasolina pode subir até 12% nos próximos 15 dias

Reprodução

O preço da gasolina na bomba deve sofrer um reajuste de até 12%

nos próximos 15 dias, influenciado pelo desempenho do custo do

barril do petróleo nos mercados interno e externos.


A previsão é da Ativa Investimentos que também estima que o

aumento pode ser aplicado de forma fracionada, ou seja,

parcelado em duas vezes.


Levantamento feito pela ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás

Natural e Biocombustíveis) até o dia 28 de janeiro – últimos dados

disponíveis – mostra que o preço médio da gasolina nas bombas é

de R$ 4,686. Com uma eventual alta de 12%, subiria R$ 0,56232,

para R$ 5,24832.


Desde que a Petrobras retomou a política de seguir os preços internacionais, em 2016, aumentou a previsibilidade de seus reajustes, diz Étore Sanchez, economista-chefe da Ativa Investimentos.


É certo que as oscilações de preço do barril do petróleo no exterior e do dólar refletirão no custo do combustível por aqui.


R7

PUBLICIDADE

© 2020. Portal Potiguar. Todos os direitos reservados.