STF forma maioria a favor Lula a ter acesso de às mensagens hackeadas da Lava Jato


Foto: Reprodução/Internet

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou maioria nesta terça-feira (9) para manter a decisão que deu ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva o direito de acessar às mensagens hackeadas de integrantes da Operação Lava Jato, obtidas por meio da Operação Spoofing.

O julgamento aconteceu na Segunda Turma do STF. Votaram a favor do pedido da defesa do ex-presidente os ministros Ricardo Lewandowski, Nunes Marques e Cármen Lúcia. O ministro Edson Fachin votou contra e o ministro Gilmar Mendes ainda não votou.


Os diálogos são protagonizados por nomes ligados à Lava Jato, como o ex-juiz e ex-ministro Sergio Moro e procuradores, como Deltan Dallagnol. As mensagens são citadas por Lula como argumento para que Moro seja declarado suspeito para julgá-lo e, assim, a sua condenação seja anulada.



PUBLICIDADE

© 2020. Portal Potiguar. Todos os direitos reservados.