Tomarei as medidas legais para proteger Constituição, diz Bolsonaro


O presidente Jair Bolsonaro fez na noite de terça-feira (16) uma série de publicações nas redes sociais(veja abaixo a íntegra)em que nega ser líder de uma gestão autoritária, destaca o trabalho do governo para aprovar reformas importantes para o país, diz que a maioria dos brasileiros é conservadora e reafirma ter compromisso com a proteção da Constituição e da liberdade da população.

"Luto para fazer a minha parte, mas não posso assistir calado enquanto direitos são violados e ideias são perseguidas. Por isso, tomarei todas as medidas legais possíveis para proteger a Constituição e a liberdade do dos brasileiros", finalizou Bolsonaro em uma série de mensagens em sua conta oficial no twitter.


A fala do presidente foi feita no mesmo dia em que ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) fizeram discursos em defesa das instituições e com críticas endereçadas ao Planalto. A ministra Cármen Lúcia demonstrou “preocupação” com o cenário nacional.


“Atentados contra instituições, contra juízes e contra cidadãos que pensam diferente voltam-se contra todos, contra o País", disse. "Que não se cogite que a ação de uns poucos conduzirá a resultado diferente do que é a convivência democrática. E não se cogite que se instalará algum temor ou fraqueza nos integrantes da magistratura brasileira. Este tribunal é presente, está presente, permanecerá presente e atuante cumprindo seus compromissos institucionais com a República”, completou.

PUBLICIDADE

© 2020. Portal Potiguar. Todos os direitos reservados.