Covid: RN ultrapassa 700 pessoas mortas na fila de espera por uma UTI


O Rio Grande do Norte já ultrapassou a triste marca de 700 pessoas mortas esperando por um leito para tratar a Covid-19. A informação está no próprio Regula RN, plataforma desenvolvida pela UFRN e utilizada pela Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) para administrar os leitos disponíveis pelo SUS em território potiguar.


Ao todo, já são 705 pessoas que perderam a vida esperando por um leito no RN. Esse é o número informado de cancelamentos de solicitações de leitos por motivo de óbito na rede hospitalar do Estado.


Confira na imagem acima os demais motivos que levaram a cancelamentos de solicitações de leitos no RN.

PUBLICIDADE